Por um mundo onde sejamos socialmente iguais, humanamente diferentes e totalmente livres" Rosa Luxemburgo

Posts com tag “CONEA

53º CONEA – Mística de encerramento do ato público no centro de Santa Maria/RS


Universidade e Formação Profissional

O pré CONEA sobre formação profissional e universidade, aconteceu em ritmo de integração, pois reuniu estudantes de diversos cursos e executivas de curso. O evento ocorreu na terça passada (18/05) e fez parte da SEMANA NACIONAL DE MOBILIZAÇÃO, que ocorreu entre os dias 18 e 23 de maio na ufmt. A facilitadora do debate foi a engenheira agrônoma Vívian Franco (Birita), que militou na FEAB.

O texto a seguir foi construído pela estudante Mariana Freitas, da ENECOS.

Formação profissional em debate da Semana de Mobilização da UFMT

A primeira atividade da Semana de Mobilização da UFMT foi um bate-papo esclarecedor com a formadora do 13 de maio e engenheira agrônoma Vivian Franco. Debatendo “Universidade e Formação Profissional”, a moça colocou algumas pulgas atrás das orelhas das 23 pessoas presentes. Representando 13 entidades do movimento estudantil, os militantes ouviram coisas como “o segundo passo da formação profissional é o trabalho” e “a formação profissional na universidade pública é para quem? Para quê?”.

Vivian começou a discussão contextualizando a sociedade de classes para, em seguida, explicar como essa dominação de uma classe à outra afeta a universidade pública, tornando-a mercantilista e, praticamente, uma fábrica de diplomas. O papel de resistência do movimento estudantil à essa realidade também foi colocado e, junto a isso, a disputa de consciências torna-se imprescindível. “O melhor lugar para disputar consciências é a calourada. As pessoas devem identificar suas angústias com o nosso grupo.”

“O que fazer com a universidade? Como mudar?” foi a pergunta crucial do debate. O que nós, estudantes, podemos fazer para evitar esse processo de transformação da universidade em uma máquina de produzir mão-de-obra barata para o mercado? “Se sempre foi assim e sempre será, depende nós.”, respondeu a formadora. Segundo ela, é preciso Agitação, Organização e Formação. Agitar é provocar esse sentimento de revolta com o que está posto nas pessoas que ainda são dominadas pelo senso comum. Organização é se juntar em grupos e trabalhar coletivamente, pensando estrategicamente as ações do movimento estudantil. E, finalmente, Formação é o estudo, a leitura e a discussão da teoria para que a prática melhor e mais coesa.

“Quer a pílula azul ou a vermelha?”, perguntava Vivian aos estudantes. Ironizando uma coisa séria, a engenheira associou a libertação de Neo, personagem de Matrix, com o processo de conscientização de classe, ou o “estalo”, pelo qual passamos quando saímos do embotamento mental, descobrimos outro modo de ver a sociedade e a possibilidade de mudança contida em cada um de nós.


53º Congresso Nacional dos Estudantes de Agronomia


O Congresso Nacional dos Estudantes de Agronomia (CONEA) é um evento que ocorre anualmente e este ano será realizado na Cidade de Santa Maria entre os dias 25 de Julho e 1° de Agosto de 2010, que aguarda ansiosamente a participação dos estudantes de Agronomia e demais interessados de todas as regiões do país.

O (CONEA) é o fórum máximo de representação dos estudantes de Agronomia onde se discutem questões inerentes ao curso, educação, meio ambiente, questões sociais dentre outros, avaliando e apontando perspectivas. Possui caráter deliberativo visando contribuir para a solução dos problemas levantados no evento.

A promoção do CONEA está a cargo da Federação dos Estudantes de Agronomia do Brasil (FEAB), e a organização é de responsabilidade da entidade estudantil da escola sede e Coordenação Nacional, respectivamente, estudantes das universidades federais de Santa Maria (UFSM) e Paraná (UFPR) contando com o apoio das Associações Profissionais de Agronomia e entidades afins, da universidade sede, órgãos públicos, cooperativas da região, bem como os demais centros acadêmicos e organizações da escola sede, além do envolvimento de toda a Federação, lembrando que para tal, é necessário apenas o empenho e vontade dos estudantes de construir e trazer propostas para a FEAB

O 53° CONEA tem como tema principal “As Contradições do Campo e a Necessidade de Transformação na Universidade”. Dentro desta temática a proposta é fazer um debate referente a questão agrária procurando trazer um resgate histórico de como se deu esse processo no Brasil desde o período colonial até a atual situação em que se encontra a agricultura no país. Dentro deste contexto, o caráter desta discussão é fazer uma análise crítica dentro da proposta de modelo de agricultura que está colocada no cenário nacional. O CONEA também terá um debate sobre a universidade e de qual o conhecimento que esta produz. Apontar as problemáticas e possibilitar o diálogo com os estudantes, que são os principais protagonistas e sujeitos que devem opinar visando uma nova proposta de universidade: democrática, popular e de qualidade. Por conta disso, este debate deve fazer parte da vida dos estudantes para que estes empenhem-se por reivindicações a fim de propor uma universidade que estimule o aprendizado e dialogue com as entidades e movimentos sociais, para que juntos consigamos contribuir por uma sociedade mais justa e igualitária.

O Congresso abrange também atividades que visam a integração cultural das escolas da Federação a partir de discussões e apresentações, onde os estudantes de regiões distintas do país apresentam sua cultura regional, as chamadas agrocanções.

O Congresso é um espaço para se conhecer novas pessoas, visitar diferentes lugares e fazer novas amizades. Dentro disso, através do diálogo, conseguimos abordar assuntos que dizem respeito a nossa formação agronômica enquanto estudantes de Agronomia preocupados em transformar a realidade agrária, contribuindo sobretudo, com os menos favorecidos desta sociedade.

A escola de Santa Maria convida com enorme satisfação os estudantes de Agronomia e simpatizantes de todo o Brasil para o 53° CONEA. Pedimos que preparem seus corações e mentes e venham se aquecer no calor de nosso Congresso, que construam suas discussões internas e que contribuam com toda a disposição para nossa federação. HÁ BRAÇOS!

COMISSÃO ORGANIZADORA DO 53° CONEA

Texto enviado pela Comissão Organizadora do 53º CONEA, para publicação n’O Cerradão – o Jornal Informativo da Agronomia da UFMT Cuiabá.